Post Top Ad

sexta-feira, 30 de agosto de 2019

Você sabe o que é e como funciona a edição de livros? - Por Cirlene Ferreira

Antes de contratar um serviço editorial, é preciso saber como funciona o processo de edição de um livro

A Edição ou processo de materializar as ideias de autores, transformando-as em livros, é composta por várias etapas: seleção de material (texto original); revisão do próprio autor; preparação de texto; primeira revisão profissional; segunda revisão profissional; terceira revisão profissional e última revisão do autor; diagramação; projeto gráfico; produção gráfica para impressão.

Preparação de texto: é a etapa no processo de edição em que o profissional lê o original, retira os erros mais grosseiros, confere a separação de capítulos, confere os subtítulos, verifica se a continuidade do texto (ou história) está correta e com sentido (coerente), coloca travessões quando o autor não sabe fazer travessões, confere a paragrafação, confere a numeração de páginas. Alguns preparadores cuidam também da colocação das notas de rodapé – algumas editoras encarregam os diagramadores desta tarefa. Nós aconselhamos que as notas de rodapé sejam adicionadas pelos diagramadores.

Revisão Profissional. Revisão de texto é a etapa onde o revisor profissional retira os erros gramaticais, ortográficos, frases repetidas, vícios de linguagem, faz sugestões de termos mais adequados ao contexto das frases ou do tema do livro, faz exclusão de trechos, termos. Pode acontecer de um original exigir mais de duas Revisões Profissionais. Livros muito complexos normalmente exigem mais de duas Revisões Profissionais. Alguns podem exigir até três, quatro ou mais revisões para limpar (excluir) totalmente os erros. Eliminar todos os erros de um livro, literalmente falando, só é possível após várias etapas de revisão de texto. Além da complexidade do conteúdo, outro fator que torna obrigatório a aplicação de várias revisões é o NÃO DOMÍNIO das regras da língua portuguesa pelo autor.

Copidesque. Devido a esta falta de domínio da língua portuguesa por parte do autor, da dificuldade de alguns de colocar suas ideias no papel, devido até mesmo à falta de tempo de organizar suas ideias, acontece de autoras e autores se confundirem na hora de escrever sua história. E, por isso, muitas vezes, é necessário que o revisor profissional aplique o Copidesque no original (livro). Nesta etapa (Revisão), todas as frases confusas, sem sentido e incoerentes são reescritas (sem alterar o sentido e intenção do autor) e substituídas por frases mais claras. Palavras e termos também podem ser substituídos por outros mais adequados ao contexto (do livro). Isso acontece apenas para acrescentar maior qualidade ao texto, aperfeiçoando e melhorando o que foi escrito.

Atenção! 
1 - É preciso repetir e deixar claro que: para que um original (livro/texto) fique totalmente limpo (livre) de erros ortográficos e gramaticais, de vícios de linguagem, erros de pontuação, erros de paragrafação, é necessária mais de uma de revisão de texto. Pode acontecer de um original exigir mais de duas ou três revisões profissionais. Livros muito complexos normalmente exigem mais de duas revisões profissionais. Alguns podem exigir quatro ou mais revisões para eliminar-se a grande maioria os erros. Além da complexidade do conteúdo, o fato de a autora ou autor Não Dominar as regras da língua portuguesa faz com que seja obrigatória a aplicação de várias revisões.

 2 - Para que o livro tenha qualidade é preciso que ele, antes de chegar na etapa de revisão de texto, passe pela etapa de preparação de texto. Caso o livro não tenha passado pela preparação, podemos fazer a preparação e depois a revisão.

 3 - Quando notamos que o livro contém muitas frases, trechos e passagens confusas, orientamos a autora/o autor a contratar o serviço de copidesque.

4 - Caso o (a) autor (a) queira submeter seu livro a uma etapa de revisão de texto profissional, sem que este tenha sido preparado antes (por um profissional), sem que este tenha sido revisado antes (por profissional),  ele (a) deve estar ciente de que uma de revisão de texto (uma etapa que implica em 2 leituras) retira o máximo possível de erros, mas não todos os erros.

5 - Dificilmente uma única revisora (revisor) conseguirá realizar o trabalho de deixar o seu livro perfeito com apenas uma etapa de revisão. Principalmente quando o livro não passou sequer por nenhum profissional de preparação de texto.
Vejam os livros publicados pelas editoras. As editoras possuem revisores que trabalham internamente, e mesmo assim contratam revisoras (es) freelancers porque muitos livros precisam de mais de duas revisões e podem precisar de várias revisões. Elas também contratam freelancers quando a demanda aumenta muito. As editoras enviam o livro para uma revisora. A revisora revisa e devolve o livro para a editora. A editora recebe o livro e depois envia para outra revisora que vai retirar os erros que passaram/restaram na revisão anterior. A revisora revisa e devolve para a editora. Se o editor (a) considerar que o livro ainda precisa de outra revisão, ele envia para uma outra revisora que vai retirar os erros que passaram/restaram na revisão anterior, e assim por diante. São revisoras diferentes. São revisões diferentes e independentes. Cada revisora recebe pelo seu trabalho. A revisão é feita revisão sobre revisão, por isso, o livro vai ficando cada vez melhor, cada vez mais limpo depois de passar por várias revisões.

6 - Quando se encontra um e outro erro depois de o livro ou texto ter passado por uma etapa de revisão de texto, não significa que a revisora ou revisor não é bom ou competente. Significa que, apesar da atenção da revisora/revisor, apesar de sua dedicação, apesar de seu empenho de fazer o melhor, o livro/texto tem um número muito grande de problemas/erros. Significa que primeiro elimina-se, sempre, os erros mais grosseiros, os erros que saltam aos olhos. Então, conforme se retira os erros mais grosseiros, vão restando erros menores que serão encontrados numa outra etapa de revisão, ou por outro revisor de texto, e assim sucessivamente.

Reflitamos sobre os livros famosos como O senhor dos anéis de J. R. R. Tolkien, por exemplo, que teve a primeira publicação em 1954. Parem para imaginar quantas etapas de revisão de texto foram necessárias para que os livros apresentassem a qualidade que apresentam hoje.
Caso duvidem disto, abram os livros que têm em suas prateleiras e estantes, confiram os erros e pensem que mesmo em livros de grandes editoras, vocês encontrarão erros (apesar das várias revisões a que foram submetidos). Eu tenho muitos livros em casa e encontro erros naqueles que vêm de editoras de todos os tamanhos (pequenas, médias, grandes).

7 - Daí se deduz que contratar um serviço de revisão com pessoas sérias – que amam o que fazem, que trabalham apenas nesta área de serviços editorias e, principalmente, que não fazem revisão de texto como "BICO DE FIM DE SEMANA", "BICO DEPOIS DA APOSENTADORIA" – é a melhor opção dos autores e autoras de livros, artigos, porque as revisoras sérias e que amam o que fazem vão excluir o máximo possível de erros numa única revisão, vão dar o melhor e o máximo de si mesmas, fazendo o melhor que puderem.

8 - E lembrem-se que as (os) profissionais sérias (os) têm interesse em alcançar novos clientes sempre, têm interesse em manter fiéis e satisfeitos os clientes que já têm. Daí fazem o melhor sempre.

O QUE COMPREENDE (IMPLICA) A CONTRATAÇÃO DO SERVIÇO DE UMA REVISÃO DE TEXTO (uma etapa de revisão de texto)?

No nosso escritório NG, a contratação do serviço de UMA REVISÃO DE TEXTO (uma etapa de revisão) compreende (ou implica) em:
1 (Uma) leitura do livro para conhecimento da história e conteúdo (onde já eliminamos os erros mais grosseiros).
1 (Uma) leitura na qual aplicamos as correções e intervenções.
Realizada a leitura para conhecimento da história/conteúdo e realizada a leitura para aplicação das correções e intervenções, encerra-se o trabalho contratado de uma de revisão de texto (ou uma etapa de revisão de texto).




08:35 / by / 0 Comments

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad